Texto sobre Educação do Livro Humanizar a Terra.

Educação através do Livro Humanizar a Terra.

 

A Educação.

4 pontos para uma reflexão humanista.

 

1. A percepção da paisagem externa e sua ação sobre ela comprometem o corpo e um modo emotivo de estar no mundo. Sem dúvida, também compromete a própria visão da realidade, conforme comentei antes. Por isso, creio que educar é basicamente habilitar as novas gerações para o exercício de uma visão não ingênua da realidade, de maneira que seu olhar tenha em conta o mundo não como uma suposta realidade objetiva em si mesmo, mas como o objeto de transformação ao qual o ser humano aplica sua ação. Não estou falando neste momento da informação sobre o mundo, mas do exercício intelectual de uma particular visão sem preconceitos sobre as paisagens e de uma prática atenta sobre o próprio olhar. Uma educação elementar deve levar em conta o exercício do pensar coerente. Nesse caso, não se está falando de conhecimento estrito, mas de contato com os próprios registros do pensar.

2. Em segundo lugar, a educação deveria contar com o incentivo da captação e do desenvolvimento emotivo. Por isso, o exercício da representação, por um lado, e o da expressão, por outro, assim como a perícia no manejo da harmonia e do ritmo, teriam que ser considerados na hora de planejar uma formação integral. Porém, o que foi comentado não tem por objetivo a instrumentação de procedimentos com a pretensão de “produzir” talentos artísticos, mas com a intenção de que os indivíduos tomem contato emotivo consigo mesmos e com outros, sem os transtornos a que induz uma educação do separatismo e da inibição.

3. Em terceiro lugar, dever-se-ia levar em conta uma prática que pusesse em jogo todos os recursos corporais de modo harmônico e essa disciplina seria mais parecida com uma ginástica realizada com arte do que com o esporte, já que este não forma integralmente, mas de maneira unilateral. Porque aqui se trata de tomar contato com o próprio corpo e de governá-lo com soltura. Por isso, o esporte não teria que ser considerado como atividade formativa, mas seria importante seu cultivo, tendo por base a disciplina comentada.

4. Até aqui falei da educação, entendendo-a do ponto de vista de atividades formativas para o ser humano em sua paisagem humana, mas não falei da informação que se relaciona com o conhecimento, com a incorporação de dados através do estudo e da prática como forma de estudo.

Autor: Silo – Escritor do Novo Humanismo

Saiba mais sobre Silo. Fundador do Movimento Humanista.

Para baixar o livro completo: Obras Completas do Silo – SILO.NET

COMENTE E COMPARTILHE..

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nossas redes sociais

Most Popular

Deixe a Não Violência entrar

Sintonize com a Não Violência

Receba no seu e-mail todas as novidades, atividades e campanhas de humanização e não violência para escolas.

Receba nosso Boletim por e-mail

Veja nosso blog..

Ultimas postagens..

Planejamento Humanista

Planejamento Humanista para 2021

Crie um 2021 diferente com o Planejamento Humanista Siga o passo-a-passo desta pequena cartilha e construa um ano coerente, solidário e que busque a superação do sofrimento pessoal aliado a

Rolar para cima